domingo, 28 de fevereiro de 2016

21 de Fevereiro - Os futuros Anadiabikers.

No domingo passado, decorreu mais um treino dos nossos futuros atletas!
O primeiro ponto de passagem foi Algeriz...e de seguida...adivinharam! Luso era o objectivo!
Quem conhece a zona, sabe que de Algeriz para o Luso, só há um caminho...e esse caminho é a subir. A malta jovem e os atletas já habituais destas aventuras, seguiram a um excelente ritmo.
O fotógrafo só os conseguiu encontrar já de partida da fonte do Luso, onde atestaram os bidons.

O regresso foi feito pela Mealhada. Já na EN1, direcção a casa:
Sempre com boa disposição! Aliás, não conseguimos andar de bike sem um bom ambiente:
Quase em casa, o cansaço já se fazia sentir...foram bastantes km...apesar de serem em estrada, as bikes de Btt não ajudam a rolar mas ajudam a treinar. Com um espírito de entre-ajuda, conforme é nosso hábito, não deixamos ninguém para trás sozinho:
"Ah! O reforço no café S. Pedro!"

Até à próxima, boas pedaladas e façam bons treinos!

domingo, 14 de fevereiro de 2016

9 de Fevereiro - Treino de Carnaval com a malta jovem!

Viva o Carnaval! Iuuupii!
Na 3f de Carnaval, os Anadiabikers apareceram mascarados de ciclistas.
Na altura do arranque ainda não chovia (muito...) e o nosso cortejo seguiu viagem:
Para dar a conhecer ao pessoal mais jovem alguns percursos bons para um treino, seguimos até à Redonda. Daí, para complicar um pouco e para treinar subidas, fomos até à Igreja (a localidade...não o edifício!). Aproveitando a estar aqui fomos na direcção do Caramulo, até à ponte. Chegando aí tínhamos duas alternativas: subir para o Caramulo ou subir para Águeda. Decidimos subir para Igreja e depois para Águeda.
Estando aqui aproveitámos e fomos visitar visitámos o Dr. António Breda, que estava cansado de estar sozinho...já estava a calçar as luvas para se ir embora:
A meio do treino, foi possível fazer um test-drive a umas bikes novas:
Ainda nesta bela cidade, passamos por alguns locais interessantes e fomos até à beira-rio.
Como o tempo já escasseava, seguimos directamente para  a EN1, na direcção de casa.
Terminado oficialmente o treino, o café S. Pedro estava à nossa espera com uma bebida quentinha.
O difícil foi sair e ir para casa, pois na rua estava um frio de rachar:
Até à próxima, façam bons treinos e força no pedal da frente!

7 de Fevereiro - Praia!

O tempo estava bastante cinzento no passado domingo, no nosso ponto de encontro habitual.
Ainda assim, apareceram alguns maluquinhos:
No caminho para a EN1, o Hélder veio ao nosso encontro e seguimos na direcção de Mira:
Quem vai visitando o nosso blog, conhece certamente o caminho para a praia mas graças aos nossos amigos Arménio e Jorge, seguimos por um novo caminho. O piso era melhor e principalmente não havia praticamente trânsito nenhum.
Para além disso, o Sol brilhava! Que mais pedir num domingo de treino?
Rapidamente chegamos à Praia de Mira. Aproveitámos para tirar umas fotos:
"Ah! Aqui não são só os barcos dos pescadores que podem navegar! Eu também navegava se o meu telemóvel tivesse bateria!"
O restante percurso decorreu sem problemas e fomos fugindo da chuva.
Chegando ao café S. Pedro demos por terminado mais um treino dominical...excelente companhia e bom tempo apesar das ameaças de chuva!
Até à próxima, façam bons treinos e força no pedal da frente!

domingo, 7 de fevereiro de 2016

30 de Janeiro - "Vamos beber um café...à praia!"

Domingo! Quem nos acompanha sabe que ao domingo, faça calor ou frio, estamos sempre prontos para uma voltinha de bicla.
E no passado fim de semana, foi isso que aconteceu.
Os atletas juntaram-se em frente ao Modelo, depois de um grupo mais pequeno (constituído pelo  fotógrafo, que chegou a horas...foi o primeiro a chegar...)  ter partido do café S. Pedro.
Para aproveitar o tempo, que apesar de frio, estava óptimo para pedalar, decidiu-se seguir até à praia de Mira.
A viagem para a praia foi feita a  um ritmo muito constante, com uma velocidade média excelente. Apesar da chuva estar sempre a ameaçar (ocasionalmente notavam-se alguns pingos mas nada que assustasse o pessoal), foi uma oportunidade para conversar, conviver e rir. Basicamente, é por isto que vale a pena pedalar na companhia de amigos!
Depois de beber um café, comer uma nata e fazer amizade com um pequeno cão, foi tempo de regressar.
Após tantos quilómetros, o cansaço já começava a marcar presença, mas ainda assim a velocidade média foi muito boa, sempre a fugir ao tempo cinzento.

Na chegada, o reforço estava muito bem organizado, até porque tinha esplanada e sumos, muito melhor que algumas provas profissionais. Para rentabilizar, até instalaram um café e pastelaria no mesmo espaço:

Até à próxima, bons treinos e boas pedaladas!