domingo, 10 de dezembro de 2017

1 de Dezembro -"O Grande Assalto 2017"

Já é tradição, que no 1 dia de Dezembro, o Caramulinho seja "assaltado"...
O batalhão Anadiabikers, estava pronto a arrancar, na esperança que ainda não tivessem assaltado tudo:
Depois do Moinho do Pisco, as febras grelhadas cheiravam mesmo bem...apeteceu parar mas não podíamos...se nos atrasássemos não haveria nada para assaltar...
Depois da graaaande subida até à sub-estação do parque eólico:
Apesar do frio, o sol ajudava animar em mais uma subida difícil até Malhapão.
Lá vem o Vítor...
...e lá vai ele...
Quase em Malhapão:
"Finalmente! Bolas...está frio..."
"Pessoal!, Bora lá tirar uma foto, para descermos...estou cheio de frio e não queria arrefecer muito."
O regresso decorreu sem nenhum problema, apesar do trânsito...fomos sempre com cuidado pois a afluência de BTTistas nestes trilhos, é bastante maior do que nos restantes dias do ano...
Até à próxima, façam bons treinos, boas pedaladas, mas sempre com cuidado!

sexta-feira, 1 de dezembro de 2017

26 de Novembro - Volta à freguesia 2.0!

No passado domingo, foi dia de fazer a Volta pela freguesia de Avelãs de Cima! Versão melhorada, com mais subidas!
Lá estávamos, prontos a arrancar:
O percurso seria bastante semelhante ao da Volta 1.0. Começámos por passar em Ferreirinhos, onde se fizeram alguns metros de acumulado: "Vamos lá! É p'ró acumulado!"
Finalmente uma pausa de tanto subir..."Até que enfim que fazemos um plano"
Deu para descansar...ou não!
E como já estávamos cansados de tanto plano...
"Agora vamos passar pela torre de vigia, no Moinho do Pisco!"
 Parámos no Corgo, para encher os bidons de água...só que não corria água na fonte.
"Epá, água, só se for a que está aqui no fundo..."
"Bom...senão há água...não temos remédio que não seja voltar a pedalar..."
Depois de chegar a Boialvo, desta vez não subimos pela subida de alcatrão, mas fomos em modo Btt.
No cruzamento da mata, houve tempo para uma fotografia de grupo mas já não dava para um piquenique:
Isto porque queríamos petiscar algo, para repôr energias:
Mais um treino, mais uma aventura!
Até à próxima, façam bons treinos e boas pedaladas, sempre com cuidado!

sábado, 25 de novembro de 2017

19 de Novembro - Sempre planinho!

Domingo...check!
Biclas...check!
Vontade de pedalar....bom...claro que sim...check!
No local habitual, estávamos prontos a dar início a mais um treino repleto de boa disposição, algumas subidas e alguns quilómetros:
O primeiro ponto de passagem do nosso pequeno treino, foi a vila da Moita, passando por Ferreiros. Daí, fomos sempre pedalando a um ritmo calmo...até porque tínhamos de aquecer os motores, para a primeira subida do dia...a subida para o Luso, depois de passar V.N. de Monssaros.
A um ritmo certo, passámos pelo centro do Luso, tomando a estrada em direcção a Penacova. Apesar de não ter uma subida com "S" grande, é um trajecto sempre a subir, até pouco depois das Carvalheiras.
Chegando a esse ponto, rapidamente chegamos a mais um outro um pouco complicado...a subida da Espinheira. A grande desvantagem da localidade da Espinheira, é também o melhor! Porque como diz o ditado popular....tudo o que sobe tem de descer...e assim é, até Penacova!
Já na EN 110:
Ora bem...quem vai pela EN 110, tem de passar por Coimbra...e quem é de Anadia, tem de passar pela última subida mais complicada...a de Sargento-Mor!
Mas quem nos conhece já sabe como tratamos as subidas! Com facilidade, pois nós temos o segredo destas andanças ciclísticas...que vamos partilhar convosco...vejam se ninguém está a espreitar...o segredo é...fazer força no pedal da frente!
Graças a essa pequena dica, todas as subidas são feitas a rir...
...com alegria...
...sempre a bombar...
...e a trocar dois dedos de conversa!
Após Sargento-Mor, foi só continuar para Santa Lúzia, depois rolar até Anadia e ao café S. Pedro, onde houve reforço:
Até à próxima, façam bons treinos e boas pedaladas, sempre com cuidado!

domingo, 19 de novembro de 2017

12 de Novembro - Volta à freguesia em Btt!

No passado domingo, foi o dia reservado para uma pequena voltinha pela freguesia de Avelãs de Cima...
Mas, para alguém que não é da zona (tal como o fotógrafo...), é difícil decorar todos os nomes das terras por onde fomos...mas podemos fazer como naqueles exercícios de preencher os espaços.
Vamos então começar!
O treino começou em____...
...depois passámos pela capela de Ferreirinhos...
De seguida, partimos para ______...
...aproveitámos e passámos em ______:
A paragem para descanso, no Corgo de ______:
Continuando a saborear o Sol que, apesar do frio, dava alento a pedalar:
E como tínhamos de encher os bidons, parámos no Pardeeiro:
Sem dar conta, já estávamos em Boialvo:
E quem conhece a zona e gosta de pedalar, já sabe a resposta à pergunta:"Cheguei a Boialvo...para onde hei-de ir agora?"
"Subir o Pisco, claro!"
Mas para não sair da freguesia, só subimos até ao cruzamento para a Mata:
Onde fomos tirar uma fotografia à igreja de ______...
e também à de ______...
...seguindo por ______,
com a sua zona de churrasco. Muito bem preservada, devemos salientar!
Já perto do fim do treino,passámos por S. Pedro...
...e pelo Pereiro:
Como não podia deixar de ser, parámos para mais uma fotografia, junto à capela das Neves:
E assim terminou um dos treinos mais católicos dos Anadiabikers!
Até à próxima, bons treinos e boas epdaladas, mas sempre com muito cuidado!